Como parte do Jackson Five ele entrou em 97 e por sua carreira solo ele entrou em 2001. O astro, morto em 2009, está com sua reputação abalada depois da exibição do documentário “Deixando Neverland”. Apesar das graves acusações, o Hall da Fama entendeu que a importância da obra do artista não podem ser questionados.

Comments are closed.